A Maçonaria Aberta aos Homens de Bem
SABEDORIA, PROSPERIDADE E UNIÃO







A ESPADA NA MAÇONARIA

A Espada, o principal meio de defesa usado pelos Cavaleiros na antiguidade, quando ainda não existiam armas de fogo, é um instrumento usado de forma simbólica pelos Maçons, pois dentro de um Templo Maçônico não podem existir armas.

A origem da Espada como instrumento Maçônico nos vem da construção do segundo Templo por Zorobabel, sob a proteção do Rei Ciro da Pérsia.


FICHA DE INSCRIÇÃO


O apóstolo Paulo deu outra função à Espada, dizendo que a língua é uma Espada de dois gumes, pois tanto pode ferir a si mesmo como a outra pessoa.

A Justiça é representada por uma Espada, e todos sabemos que a Justiça é um poder desarmado.


A Espada simboliza a consciência e quem a maneja deve estar alerta, para não agredir nem ferir.

Há na Maçonaria um determinado grau em que o Maçom, representando um Cavaleiro Templário e portador de uma bela Espada, a desembainha e antes de segurá-la em riste, beija a sua lâmina, numa demonstração de que está empunhando um instrumento de Paz e não de agressão.


FICHA DE INSCRIÇÃO


O Maçom deve zelar e controlar a sua "Palavra" para que não se converta em Espada de dois gumes.

O equilíbrio e a prudência devem sempre guiar aquele que maneja a Espada.


Como ser um verdadeiro "TEMPLÁRIO MAÇOM?"


Ficha de Inscrição


 




Veja outros posts
Compartilhe esta página |