A Maçonaria Aberta aos Homens de Bem
SABEDORIA, PROSPERIDADE E UNIÃO







18 de Maio - A ESTRELA FLAMÍGERA - BREVIÁRIO MAÇÔNICO

Ela está situada sobre o trono do Segundo Vigilante e representa a sublimidade da luz, uma vez que sua luminosidade é de primeira grandeza, muito superior à do Sol.

O homem desceu na Lua; está tentando aproximar-se de outros planetas, mas não ousa qualquer contato com as estrelas.

Os luminares desconhecidos e fora do nosso alcance constituem uma outra dimensão luminosa.


Nem sempre as estrelas que contemplamos existem, pois o caminho que percorrem até nossa visão é tão longo que chega a nós uma luz aparente; a estrela pode ser absorvida pelos buracos negros ou por uma extinção natural que demanda um tempo que não podemos sequer registrar.

Nossa mente aspira compreender esses mistérios, na sua constante busca de entendimento.


Devemos nos exercitar para que a velocidade de nossos pensamentos vença as barreias humanas e possa atingir a compreensão dos mistérios. O maçom diligente contempla a estrela flamígera como o ideal que deseja alcançar. Dizia São Paulo: "Agora vejo como em enigma, mas depois verei face a face".

Despertemos esse desejo desafiante e nos instruamos para alcançar esse "face a face".


QUERO ME APROFUNDAR NOS SEGREDOS MAÇÔNICOS




Veja outros posts
Compartilhe esta página |